O Presidente da República de Mocambique, Filipe Jacinto Nyusi, endereçou uma mensagem de condolências pelo falecimento de Daviz Simango, Presidente do Conselho Autárquico da Cidade da Beira e Presidente do Movimento Democrático de Moçambique (MDM), ocorrido na vizinha República da África do Sul.

Na sua mensagem, o Chefe do Estado afirma que em vida, Daviz Simango contribuiu sobremaneira para a consolidação da nossa democracia, através da sua dedicação à vida política e social do país, quer como líder partidário assim como membro do Conselho do Estado.

“As suas contribuições criaram novos valores no espaço político nacional, que nos deram um grande avanço na consolidação da convivência pacífica e harmoniosa entre os moçambicanos”, diz ainda a mensagem do Presidente Nyusi.

Segundo a mensagem, desde que foi acometido pela doença, o Presidente da República sempre esteve esperançoso na sua recuperação, mas com a sua partida prematura, Moçambique perde umas das vozes mais importantes da história política recente do país.

“Neste momento de dor, consternação e luto, em nome do Povo moçambicano, do Governo de Moçambique e no meu próprio, endereçamos à família Simango, aos munícipes da Cidade da Beira e aos membros do MDM, as nossas mais sentidas condolências”, termina a mensagem de condolências.

(AIM)

GIPR/JSA